terça-feira, 4 de abril de 2017

TRF1: reajuste salarial deixa concurso de 2017 mais atrativo



Enquanto o Tribunal Regional Federal da 1° Região (TRF 1), que abrange o estado de Minas Gerais, aguarda a autorização do concurso em 2017 pelo Ministério do Planejamento e Orçamento, os atrativos da seleção só aumentam: está previsto para junho deste ano um reajuste salarial para os servidores do judiciário.

Entenda o que mudará

De acordo com a Lei 13.317, a remuneração inicial de analista passará a ser R$11.345,90, incluindo Gratificação por Atividade Jurídica (GAJ) que também sofrerá aumento para R$5.550,21 e auxílio alimentação que é fixo em R$884. Já para técnico judiciário o vencimento sobre para R$7.260,41, sendo R$3.382,79 de GAJ. Em novembro, os valores passarão para R$7.592,53 (técnico) e R$11.890,82 (analista).
Os reajustes terão continuidade em 2018, quando as remunerações passarão a R$7746,73 para técnicos e R$12143,82 para analistas, incluindo auxílio-alimentação. Se o concurso realmente acontecer em 2017, é provável que as convocações ocorram nos anos seguintes e os novos servidores já desfrutem destes reajustes.